SDK

SDK: O que é e qual a importância para a sua empresa?

SDK é uma sigla para Software Development Kit, traduzindo seria algo como, o Kit de Desenvolvimento de Software. Ou seja, o SDK consiste em um conjunto de ferramentas, acompanhadas de documentações e instruções, que tem como objetivo auxiliar no desenvolvimento de softwares ou ainda adicionar novas funcionalidades, seja para frontend, a parte onde o usuário tem um contato direto, ou backend, o que fica por trás de todos os dados visíveis na interface. Sua função é comumente confundida com as APIs, que detalharemos mais a frente, isso porque no SDK podem conter APIs, documentações, exemplos de códigos, bibliotecas e mais.

Também conhecido como devkit, os SDKs são desenvolvidos por terceiros, porém não é possível comprar diretamente o SDK, é necessário contratar um fornecedor que os desenvolve, e o uso fica sendo por intermédio deste terceiro. Ou seja, é uma forma de otimização de tempo, equipe e recursos para o desenvolvimento da sua aplicação. Geralmente, os SDKs são destinados especificamente a algumas plataformas, como por exemplo SDK para desenvolver aplicativos para o sistema Android. Dessa forma, quando é lançado uma nova versão do sistema Android, é lançado com ele um SDK correspondente para que seja possível desenvolver aplicativos com os recursos mais recentes.

A qualidade deste kit é medida pela facilidade de seu uso, ou seja, que permita uma compatibilidade de linguagens, pela documentação detalhada, pelas funcionalidades que devem ser capazes de agregar à sua aplicação e à sua empresa e ter uma boa interação com outros SDKs. Como faz parte de um serviço a ser contratado é importante avaliar as atualizações e inovações que o fornecedor está disposto a fazer ao longo do tempo, a manutenção, quanto de autonomia é dado à sua empresa e falando especificamente do ramo de biometria facial, é de extrema importância de que o SDK seja leve, para que seja possível que o usuário final acesse de qualquer dispositivo sem prejudicar sua experiência.

 

API

Como falamos anteriormente, API e SDK são comumente confundidos, isso porque dentro dos SDKs podem conter APIs, mas dentro de uma API não contém um SDK, e nem toda API faz parte de um SDK. A API, Application Programming Interface, ou Interface de Programação de Aplicações, é, como se denomina, uma interface de comunicação, seja entre aplicações ou componentes.

Um exemplo bastante utilizado para ilustração é sobre o Google Maps, para que outros sites ou aplicativos utilizem os recursos presentes nessa plataforma, a mesma possui uma API, que permitirá que um software se comunique com o do aplicativo e permitirá que os recursos sejam utilizados. Existem APIs específicas para algumas linguagens, como Java, e outras que podem ser utilizadas com múltiplas linguagens.

É importante salientar que o SDK possibilita a criação de softwares, não faz a integração entre eles, esta função é feita pela API. Apenas caso o SDK possua API que esta função será incluída.

 

Quando usar API ou SDK?

Para desenvolvimento de softwares ou de novas funcionalidades dentro deles é necessário utilizar SDK, já para utilizar recursos de uma aplicação terceira na sua aplicação é necessária uma API.

O que é API?

A API, Application Programming Interface, ou Interface de Programação de Aplicações, é, como se denomina, uma interface de comunicação, seja entre aplicações ou componentes. É utilizada para que uma aplicação consiga utilizar recursos de uma outra aplicação, como aplicativos que usam o Google Maps.

O que é SDK?

SDK é uma sigla para Software Development Kit, traduzindo seria algo como, o Kit de Desenvolvimento de Software. Consiste em um conjunto de ferramentas, acompanhadas de documentações e instruções, que tem como objetivo auxiliar no desenvolvimento de softwares.